Ataque fantástico

O ataque da equipe do G. E. Renner era um dos grandes diferenciais da equipe. Com preparação física e treinamento tático apurados, os resultados em campo refletiam o entrosamento que existia entre os jogadores. Foram seguidas temporadas com praticamente o mesmo plantel. E, não por acaso, foram os anos dourados do time dos industriários. AContinuar lendo “Ataque fantástico”

A força que vem da base

Enquanto o time profissional do Grêmio Esportivo Renner alcançava feitos cada vez mais extraordinários na Divisão de Honra do Campeonato Citadino de Porto Alegre, outras potências ganhavam força no clube. Entre elas destaca-se a equipe de juvenis, a qual era comandada por Abílio dos Reis, o “Garimpador de talentos”. Abílio dos Reis era torcedor doContinuar lendo “A força que vem da base”

Da lama ao Tiradentes

Já havia parado de chover quando A. J. Renner decidiu prestigiar mais um amistoso nas dependências do Grêmio Sportivo Renner na Rua São José. Era uma tarde de um domingo carrancudo de 1934. Nessa época as partidas entre os funcionários já haviam se tornado rotina nas dependências da A. J. Renner & Cia. Os comentários sobre asContinuar lendo “Da lama ao Tiradentes”

A união faz a força

Dois terrenos baldios sediaram as primeiras partidas daquele que viria a se tornar o glorioso Grêmio Esportivo Renner. Era início de 1931. Os campos, localizados em Porto Alegre na Rua São José (atual Frederico Mentz), foram testemunhas de acirradas partidas disputadas no esquema operários versus funcionários administrativos da majestosa A. J. Renner & Cia. A segmentaçãoContinuar lendo “A união faz a força”

Apresentação

Essa página foi criada com o objetivo de reunir materiais, notícias, dados, fotos e depoimentos relativos ao fenômeno sociocultural Grêmio Esportivo Renner. A agremiação, formada por funcionários e operários das indústrias A. J. Renner & Cia, se destacou por obter significativas conquistas em sua curta trajetória futebolística. Criado no pátio de uma fábrica de tecidosContinuar lendo “Apresentação”