As caixinhas dos campeões

Nos anos 50, existiu uma febre que atingiu a milhares de pessoas: a de colecionar caixinhas de fósforos. Essa febre atingiu também a torcedores de diversos times brasileiros, inclusive àqueles que torciam para o G. E. Renner. Normalmente as caixinhas de fósforos eram produzidas para serem distribuídas como item de propaganda de hotéis, cafeterias, restaurantes,Continuar lendo “As caixinhas dos campeões”

Um novo Campeão Gaúcho

O Campeonato Gaúcho de 1954 foi disputado logo após encerramento do Campeonato Citadino (também chamado de Metropolitano) conquistado pelo Renner. O regulamento dessa competição previa jogos em turno e returno entre os campeões de quatro regiões do estado. Eram eles: o G. E. Brasil, de Pelotas (região Litoral/Sul); o E. C. Ferro Carril, de UruguaianaContinuar lendo “Um novo Campeão Gaúcho”

Carnaval da conquista

A glória alcançada com a vitória de 9 a 2 sobre a equipe do Esporte Clube Juventude levou os torcedores do time dos industriários ao êxtase. A goleada e a conquista do título do Campeonato Citadino de Porto Alegre de 1954 provocou tanta euforia que foi impossível conter as comemorações às arquibancadas do Estádio Tiradentes.Continuar lendo “Carnaval da conquista”

Campeão invicto!

O temporal que caiu na capital gaúcha na manhã do dia 08 de janeiro de 1955 provocou apreensão na concentração do Grêmio Esportivo Renner. A partida marcada para aquela tarde, contra a equipe do Esporte Clube Juventude, era de extrema importância, uma vez que poderia garantir a conquista do Campeonato Citadino de Porto Alegre peloContinuar lendo “Campeão invicto!”