G. E. Renner ou Sá Viana F. C.?

A estreia do G. E. Renner nos confrontos decisivos do campeonato gaúcho de 1954 foi realizada em 30 de janeiro de 1955, contra o E. C. Ferro Carril (de Uruguaiana). Tal partida ficou marcada por alguns contratempos. O primeiro deles foi a ausência do goleiro Valdir de Morais, acometido por uma lesão na mão direita.Continuar lendo “G. E. Renner ou Sá Viana F. C.?”

Encontro com Dois Lados

Em outubro de 1948, a equipe do G. E. Renner fez sua primeira excursão para o Nordeste brasileiro. Salvador foi o destino escolhido e que sediou os amistosos do esquadrão gaúcho contra três tradicionais times da cidade: o Ypiranga, o Bahia e o Galícia. Após vencer o Ypiranga no primeiro confronto por 3 a 1,Continuar lendo “Encontro com Dois Lados”

Calça, casaco e colete

A renovação do plantel do Renner atingiu seu ápice em 12 de agosto de 1958. Nesse dia, depois de 12 anos atuando debaixo das traves rennistas, o lendário e extraordinário goleiro Valdir Joaquim de Morais assinou o contrato proposto pela Sociedade Esportiva Palmeiras. Do time campeão de 1954, agora restavam 3 craques: Bonzo, Gago eContinuar lendo “Calça, casaco e colete”